A Prefeitura de Teresina, através do Instituto de Previdência do Município (IPMT), encerrou na última sexta- feira o primeiro censo previdenciário do município. Mais de 19 mil servidores ativos, aposentados, pensionistas e empregados públicos compareceram aos postos de atendimento para atualizar seus dados cadastrais.

 

“Encerramos o censo com números positivos, 94% dos beneficiários compareceram para o recadastramento. Apenas 1205 pessoas deixaram de se recadastrar. O recadastramento previdenciário, além de medida de gestão, dá cumprimento às exigências impostas pela normatização infraconstitucional, como o art. 3 da Lei Federal 10.887, de 18 de junho de 2004, o qual determina a realização de atualizações a cada 05 (cinco) anos das informações pessoais dos servidores e beneficiários dos institutos de previdência brasileiros”, informou o Presidente do IPMT, Paulo Dantas.

 

O censo previdenciário e financeiro do município teve como objetivo criar um banco de dados atualizado e completo dos participantes  do IPMT, permitindo o equilíbrio financeiro e atuarial do Instituto, além da gestão eficaz dos recursos arrecadados dos servidores e da sociedade.

 

Paulo Dantas enfatizou ainda que os servidores que não atualizaram seus dados cadastrais terão os benefícios suspensos nos próximos dias. “É essencial que o servidor ou beneficiário irregular compareça até o dia 20 de junho no auditório do instituto de Previdência do Município para regularizar sua situação e evitar a suspensão do benefício”.

 

Ainda não há comentários.

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com (*).